· · ·

Jornalismo Ambiental

Bicicleta: uma alternativa sustentável para a mobilidade brasileira

O número de veículos circulando no Brasil já ultrapassa a marca de 43,4 milhões - cerca de um veículo para cada quatro pessoas, segundo o relatório da Sindipeças feito em 2017. O resultado são congestionamentos presentes nas cidades e que dificultam a circulação das pessoas. E essa é uma realidade que já existia há 7 anos. Conforme dados apresentados em 2011 pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), quase metade dos motoristas já enfrentava essa situação diariamente. Uma solução seriam as bicicletas, que poderiam amenizar os problemas de mobilidade urbana, além de serem econômica e sustentáveis.

t1Ciclista pedala na faixa de ônibus durante engarrafamento em Jacarta, Indonésia. Créditos: TotallyCoolPix

Jornalismo Ambiental

O futuro do Meio Ambiente brasileiro no governo Bolsonaro

Pesquisas revelam um cenário pessimista envolvendo as questões ambientais do nosso País. Segundo levantamento do Ministério do Meio Ambiente e da Ciência e Tecnologia, publicado no dia 24 de novembro de 2018, o desmatamento na Amazônia cresceu 13,7% na última década e atingiu um recorde. No total, foram 7.900 quilômetros quadrados de floresta destruídos. Os Estados que mais desmataram foram Pará, Mato Grosso, Rondônia e Amazonas, conforme dados do Projeto de Monitoramento do Desmatamento na Amazônia Legal por Satélite.

GU1Entre agosto de 2017 e julho de 2018, um aumento de 13,7% da área desmatada na Amazônia. Crédito:EBC

Jornalismo Ambiental

Mais do que sombra, qualidade de vida

Com a proximidade do verão aumentam as chamadas ondas de calor e o desconforto causado pelas altas temperaturas nas ruas. Mas tudo isso pode ser amenizado através de um sistema de arborização urbana bem planejado e eficiente, podendo trazer inúmeros benefícios que vão além de uma simples sombra para se proteger do sol.

edRuas do centro de São Leopoldo são pouco arborizadas, contribuindo para as bolsas de calor. Foto: Édson Dutra

Jornalismo Comunitário

Avenida abandonada pela Prefeitura

Moradores e comerciantes da Avenida Tronco reclamam das condições da Avenida, herdada pela Copa do Mundo.

Moradores e comerciantes da Avenida Tronco, zona sul da capital, reclamam dos transtornos causados pelas obras de duplicação da via que estão paradas há mais de dois anos no bairro. As obras que tiveram início um ano antes da Copa do Mundo realizada no Brasil, ainda estão longe de serem entregues.

obra 1Obras na Avenida Tronco. /Foto:Prefeitura municipal de Porto Alegre

· · ·