· · ·

IPA e Feira dos Agricultores Ecologistas firmam parceria para realização da Quintanda

CartazFoto: Divulgação

O IPA está sediando a Quintanda - Feira Agroecológica do IPA, que conta com produtores que dispensam produtos químicos em suas plantações. Por trás da identidade visual está a Agência Experimental do curso de Publicidade e Propaganda (AEIPA), que desenvolveu as ideias para o nome, os materiais de divulgação e tudo o que envolve a apresentação da feira.

A Profa. Ms. Maristela Franco, coordenadora da AEIPA, fala com muito orgulho do trabalho desenvolvido. “Estamos muitos felizes com o resultado. Esta foi uma atividade onde colocamos em prática o conceito que norteia a equipe Multiverso: a comunicação integrada. Os laboratórios e agências experimentais dos cursos de Comunicação, que integram o Multiverso, participaram ativamente no atendimento deste job”. A AEIPA ficou encarregada de desenvolver a identidade visual da feira e produzir as peças de divulgação. Os alunos estagiários e voluntários do curso de Publicidade e Propaganda vivenciaram todo o atendimento do cliente até a finalização dos materiais. Os acadêmicos do Jornalismo acompanharam o processo e estão realizando a divulgação do evento.

Um dos sinais do envolvimento dos estudantes está em um dos diferenciais desta feira, em relação às demais que acontecem em outros locais de Porto Alegre. O nome Quintanda foi proposto e pensado pela equipe da AEIPA. Ele é a junção das palavras quinta-feira, dia que acontece a feira, com a palavra quitanda. As cores usadas pela equipe de criação trazem um sentimento atrelado à terra e ao trabalho rural. “A letra cursiva do logo foi pensada para remeter a um sentimento familiar, como quando aprendíamos a escrever com letra cursiva e mostrávamos aos pais nosso progresso” comenta Athílio Zanon, técnico do laboratório de TV e um dos responsáveis da criação da campanha.

A essência das feiras agroecológicas está no material produzido pela AEIPA. Diferente das demais feiras de rua, traz para o consumidor a certeza de que o produto é o mais natural possível, sem ter passado por nenhum tipo de produto químico ou atravessador desse processo. Essa ligação direta, devolve o poder e o lucro integral para as mãos do produtor. Respeitando a terra, as estações do ano e o ciclo natural, o produtor traz algo saudável não só para o consumidor, mas também para a própria natureza.

O modelo da feira é reconhecido e consolidado em outros bairros em que foi aplicado, alcançando mais de vinte e cinco mil consumidores. A ideia do Centro Universitário IPA em sediar a feira, de acordo com a proposta do projeto, é propor à comunidade acadêmica e em geral, um consumo consciente, responsável e mais saudável. Junto a isso proporcionar aos acadêmicos, produtores e frequentadores um ambiente rico em troca de conhecimentos e experiências.

Os materiais produzidos, para a Quintanda, pela equipe da AEIPA, estão expostos no Campus Central, no Campus Dona Leonor e no Colégio Americano. O horário de funcionamento da feira é das 15h às 19h, todas as quintas-feiras, no Campus Central IPA.

Postar comentário

0
  • Nenhum comentário encontrado

· · ·