·

·

· · ·

Comunicação Integrada

Mostra Audiovisual Boom abre o 2º Seminário de Comunicação Integrada

boom segundo seminario de comunicacaoFoto: Freepik

Uma das atrações da primeira noite do 2º Seminário de Comunicação Integrada é a Mostra Audiovisual Boom. Criado em 2012, o Boom completa cinco anos e traz a produção audiovisual realizada pelos alunos dos cursos de Jornalismo e de Publicidade e Propaganda. O objetivo é valorizar e incentivar os acadêmicos a produzirem conteúdo, utilizando a linguagem audiovisual. O seminário começa dia 25 de setembro, a partir das 19h, no Auditório da Biblioteca.

Após a Mostra Audiovisual Boom, acontece a palestra de abertura. Com o tema, a Produção Audiovisual em Tempos de Pós-verdades, o jornalista Matheus Pannebecker, sócio da Pauta Assessoria e o cineasta Zé Pedro Goulart, da Mínima, conversam com os presentes. A mediação do debate fica por conta da equipe do programa Multicultura, produzido pelos estagiários do Multiverso.  

 

Tradição em audiovisual

Os cursos de Comunicação do IPA, ao longo de sua história, realizaram cerca de 60 produções, sendo dez documentários, 15 curtas-metragens, diversos telejornais, seis meta-documentários, 14 videoclipes e 13 VTs.  Muitas destas produções foram premiadas em eventos que valorizam a iniciativa e a produção audiovisual.

O documentário Mestres (2014) recebeu o Prêmio Menção Honrosa, no Festival Internacional de Cinema da Bienal (FICBIC), realizado em Curitiba. Foi produzido por Marcelo Miranda Noms e Tiago Fernandes. Outro documentário premiado foi Sem_roteiro.doc (2012), com o Prêmio Cinema Audiovisual Experimental, durante o 25º Set Universitário. O material foi produzido pelos alunos, hoje jornalistas formados, Raphael Oliveira, Gabriel Marçal, Eduardo Cardozo, Marilia Cancelli, Carlos Eduardo de la Rocha e André Freitas.

Outro importante prêmio conquistado pelo IPA veio com o documentário Mães Especiais, produzido por Andreza Fiuza, Gabriela Azevedo, Juliana Uzejka, Paola Oliveira, Tiago Pintaúde e Vanessa Gonçalves. Eles receberam o Prêmio Galgos de Ouro, durante o Gramado Cine Vídeo, em 2010.

Na categoria Melhor Vídeo Universitário Brasileiro, no Prêmio Galgos de Ouro, realizado no Gramado Cine Vídeo, em 2009, foi dado ao documentário Base, produzido por Beto Rodrigues. No mesmo evento, o documentário Marta e Maria, produzido por Tatiana Nassr, recebeu o prêmio Melhor Vídeo Universitário Gaúcho - Galgos de Ouro. Em 2008, o documentário Mães de Gay, produzido por Carlos Xarão, foi premiado na mesma categoria e como Melhor Documentário.

Postar comentário

0
  • Nenhum comentário encontrado

Rádio IPA ao vivo

· · ·