· · ·

Fotografia

Sentimento em forma de fotografia é a proposta de workshop ministrado por Carlos Macedo

rio 9Foto: Carlos Macedo

O fotógrafo Carlos Macedo, egresso do curso de Jornalismo do IPA, ministra o workshop Mobgraphia Sensorial: com o celular na mão, no dia 25 de maio no Simplify Poa. O curso é aberto ao público em geral, com conhecimento em fotografia ou não, que queira aperfeiçoar o olhar, dominar os recursos de captação, edição e criar fotografias com o seu telefone.

A proposta de Macedo é o caminho inverso ao convencional. O profissional aposta em ir além da própria fotografia e dos suportes tecnológicos. “Retratar o nosso olhar, o jeito que nos movimentamos e a nossa vida em um clique. Eu sou um fotógrafo de memórias. Eu não sou um fotógrafo de imagens. Enquanto as coisas estão acontecendo, eu estou registrando. Enquanto as pessoas não estão vendo, eu estou olhando. Eu olho, percebo e faço a captura da imagem”, revela ele.

O encontro vai abordar desde o autorretrato até o ensaio, como um exercício de memórias para praticar a interpessoalidade, o sentir a vida e o registro em si. Macedo vai propor dois momentos, o sensorial, para aguçar os sentidos e a imersão, para aprimorar a técnica. Afinal, “a fotografia está em todos os lugares, mas as pessoas não sentem. Ver e sentir, e não apenas estar em um lugar”.

 

Um pouco mais sobre Carlos Macedo

Macedo é natural de Cachoeira do Sul. Atuou como repórter multimídia da editoria de imagem dos jornais Zero Hora e Diário Gaúcho durante oito anos. É fotojornalista. Considera-se um artista visual, poeta, nômade digital, de pipoqueiro a contador de histórias. “Em cenas de histórias contadas, os vocábulos são poesias reveladas. Escrevo imagens. Retrato palavras”.

 

Para mais informações sobre o curso, acesse: https://carlosmacedo.me/mobgraph/

Postar comentário

0
  • Nenhum comentário encontrado

· · ·